Everton 1 – 1 Fulham Absoluciojona Noticias

Tosin Adarabioyo manteve a coragem de 12 jardas para selar a vaga do Fulham na semifinal da Carabao Cup com uma vitória nos pênaltis sobre o Everton após um empate em 1 a 1 em Goodison Park.

O pênalti de Adarabioyo resolveu uma maratona de pênaltis, com 13 dos 16 pênaltis marcados antes de Idrissa Gana Gueye acertar a trave em morte súbita, permitindo ao zagueiro do Fulham garantir a progressão dos Cottagers.

Fulham comemora após vitória nos pênaltis sobre o Everton e chegar às semifinais da Carabao Cup
Imagem:
Fulham comemora após vitória nos pênaltis sobre o Everton e chegar às semifinais da Carabao Cup

O Fulham liderou um jogo praticamente monótono dos 41 aos 82 minutos – apesar de não ter conseguido registrar um único chute a gol no primeiro tempo – graças ao desajeitado gol contra de Michael Keane.

Parecia certo que chegariam aos quartos-de-final com o tempo a passar, até ao cabeceamento tardio do suplente Beto, após uma bola perdida que desviou gentilmente para o seu caminho e marcou o desempate por grandes penalidades.

Amadou Onana poderia ter colocado o Everton na quinta cobrança de pênalti dos Toffees, mas seu terrível pênalti foi facilmente defendido por Bernd Leno.

Use o navegador Chrome para um player de vídeo mais acessível

Amadou Onana segurou a cabeça entre as mãos depois de cobrar um pênalti chocante contra o Fulham, que viu o Everton ser eliminado da Copa Carabao.

Seguiram-se quatro remates perfeitos dos visitantes, com a finalização composta de Adarabioyo a marcar a primeira presença do Fulham nas meias-finais da Taça da Liga no novo ano.

Eles conhecerão seus adversários na quarta-feira, ao vivo no Sky Sports Futebolno final do jogo entre Liverpool e West Ham, transmitido pela televisão.

Avaliações dos jogadores

Éverton: Pickford (7), Patterson (7), Keane (7), Tarkowski (6), Branthwaite (7), Onana (6), Gueye (6), Garner (7), Harrison (6), Calvert-Lewin (5 ), McNeil (6).

Subs:Beto (7), Danjuma (6).

Fulham: Leno (5), Tete (6), Adarabioyo (8), Bassey (6), Robinson (7), Palhinha (7), Reed (6), Iwobi (6), Wilson (5), Willian (6), Muniz (5).

Subs: Cairney (6), Pereira (6), De Cordova-Reid (7), Diop, Vinicius (n/a).

Jogador da partida:Tosin Adarabioyo.

Como se desenrolou a famosa noite do Fulham

Marco Silva optou por rodar mais do que o seu homólogo, com cinco alterações na equipa derrotada em Newcastle, e a equipa mais familiar de Sean Dyche, o Everton, controlou a maior parte da primeira parte em Goodison Park.

As chances seriam valiosas durante toda a noite e especialmente nos momentos iniciais, com o cabeceamento manso de Jarrad Branthwaite na marca de meia hora forçando a primeira defesa da partida, depois de Dwight McNeil ter disparado de uma posição promissora anteriormente.

Embora esse tenha continuado a ser o único remate à baliza do período inicial, o Fulham ainda conseguiu assumir a liderança antes do intervalo, quando um cruzamento de Antonee Robinson foi desviado para a sua própria baliza por Keane, que demorou a ajustar o corpo e deixou Jordan Pickford indefeso.

O gol do Fulham teve sorte momentos antes do intervalo, quando a cobrança de falta de James Garner foi perdida pelos dois zagueiros do Everton e acertou a trave mais distante, com Bernd Leno bem derrotado.

O segundo gol de Beto na Copa Carabao nesta temporada não foi suficiente para mantê-los na competição
Imagem:
O segundo gol de Beto na Copa Carabao nesta temporada não foi suficiente para mantê-los na competição

Mas houve poucos outros momentos que incomodaram o goleiro dos Cottagers, apesar do domínio contínuo do Everton após o intervalo.

Jack Harrison rematou ao lado, enquanto Alex Iwobi finalmente marcou o único remate do Fulham à baliza da noite, num canto curto contra o seu antigo clube, com o Fulham parecendo cada vez mais propenso a progredir à medida que o tempo passava.

A forma como o Everton empatou no final do jogo, negando-lhes o golo ao longo dos 90 minutos, combinou com a sensação de desgaste do jogo, com o remate de Amadou Onana desviado por cima dele por Robinson, permitindo ao substituto passar por Leno encalhado.

O pênalti defendido por Bobby De Cordova-Reid deu a Onana a chance de mandar o Everton para a semifinal, apenas para seu terrível pênalti rolar direto para os braços do goleiro.

Sete pênaltis perfeitos vieram e se foram antes de Gueye acertar a trave – o único pênalti da disputa de pênaltis que errou o alvo – e Adarabioyo mandou o Fulham para Wembley.

Qual é o próximo?

Éverton viaja para Londres no sábado para enfrentar o Spurs no Tottenham Hotspur Stadium, com início às 15h. Em seguida, eles receberão o Manchester City, detentor do título da Premier League, em 27 de dezembro, com início às 20h15.

Fulham joga em casa contra o Burnley no sábado, com início às 15h. Eles então seguem para a costa sul no Boxing Day para enfrentar o Bournemouth, com início às 15h.

About Jia Anjani

Check Also

Sorteio das quartas de final da FA Cup ao vivo enquanto Man United e Man City conhecem os adversários – Manchester Evening News Absoluciojona Noticias

Sorteio das quartas de final da FA Cup ao vivo enquanto Man United e Man …